A importante relação do Bruxismo e da Apneia do Sono

A importante relação do Bruxismo e da Apneia do Sono

O bruxismo, do grego “brýkhmós”, é uma atividade repetitiva e involuntária dos músculos da mastigação, caracterizado pelo apertar e/ou ranger dos dentes.

Pode ocorrer durante o dia, porém, tem suas atividades mais intensas e frequentes durante o sono, sendo classificado como uma “desordem de movimento relacionada ao sono”, podendo provocar principalmente desgastes e destruição dos dentes, dor e ruídos articulares como estalidos e crepitações, dores de cabeça, limitações do movimento mandibular e também a produção de barulhos de ranger dos dentes que incomodam parceiros do sono. Atinge aproximadamente 8% da população adulta e tem alta incidência na infância. Alguns trabalhos mostram que 85% da população irá apresentar, em algum momento da vida, episódios de bruxismo do sono. Sua etiologia ainda é muito complexa e controversa e suas manifestações circadianas tem sido associadas com estresse, ansiedade e influência genética.

Matéria escrita pelo Dr. Antonio Fagnani Filho e publicada na Revista Saúde de Araçatuba e Birigui.